21.8.09

o que procuro e o que encontro

procuro entender os meus movimentos, os meus limites, os meus passos. procuro não vagar por atalhos que não chegam. procuro aceitar as minhas imperfeições, os meus vazios e as minhas carências. procuro a música mais bela e mais sublime que embala o meu corpo em dias de silêncio interior. procuro a alma do viver, do harmonizar, do fluir e da plenitude. procuro momentos sensíveis e palavras consistentes. procuro o abraço que conforta e o colo que acolhe. e tudo está aqui, junto comigo, dentro de mim, bem ao meu alcance. encontro. me encontro. sinto felicidade e gratidão por compreender a magnitude da vida e por estar aqui nesta experiência. felicidade e gratidão por ter a mim mesma, por me ter por inteiro e por estar entregue. encontro a paz de quem se encontra. celebro a sagrada manifestação do viver.
queria poder colocar uma foto com a música que agora me envolve e me inspira e queria poder escrever a dança que o meu corpo desenvolve e queria que você sentisse a mesma alegria que sinto... que música linda! que dança gostosa! que preenchimento e que paz eu encontro!