6.5.10

harmonia dos princípios masculino e feminino


muito inspirada pelas conversas com um homem homem e sensível e embalada por sua maneira aberta e gostosa de escutar as minhas idéias, resolvi estudar o assunto que mais nos toma as horas de papo sob a luz do ayurveda. grata pela inspiração. dedico a você este texto, com carinho.
---
as naturezas básicas da mulher e do homem diferem em virtude da difereça dos princípios masculino e feminino neles presentes, isso é fato e é assim desde de que o mundo é mundo. estes princípios masculino e feminino existem tanto nos homens quanto nas mulheres e o que varia é a proporção com que se combinam. o que agrava as diferenças e as distorcem é que em várias culturas atribuem-se características estereotipadas a ambos os sexos, prejudicando a naturalidade, suavidade e flexibilidade de muito e de muitos dos relacionamentos. além disso, existe uma questão muito forte: os homens, no geral, são treinados para prática de austeridades e privação emocional e as mulheres, por sua vez, são ensinadas a cuidar e a servir, senão mais como esposas, mas ainda como mães.
estes princípios são formados por três qualidades fundamentais : sattva, rajas e tamas. sattva é a qualidade da verdade, do bem, da virtude e do equilíbrio; rajas refere-se à força, ao ímpeto e à ação e tamas reprime, restringe, obstrui e é inerte. sattva confere luz e conhecimento; rajas, ação e movimento e tamas sombra e inação. estas qualidades relacionam-se e influenciam-se mutuamente. no princípio feminino há mais sattva e tamas e rajas em menor proporção. no masculino, mais rajas e sattva e tamas ocorrem em uma escala menor.
mais um agravante é que hoje em dia, com o nível de atividade imposta pela modernidade, com a ausência de prazer verdadeiro e a falta da busca espiritual, todas essas qualidades encontram-se em estado de de-se-qui-lí-brio, fazendo com que surjam mais e mais problemas em relacionamenos entre homens e mulheres, inclusive na esfera da sexualidade! torna-se ainda mais urgente reconhecer a diferença nos níveis de proporção dos princípios feminino nos homens e masculino nas mulheres.
com a revolução libertadora feminina o princípio feminino sofreu um grande impacto. seus reflexos podem ser percebidos tanto em mulheres como em homems! falta a compreensão, principalmente por parte das mulheres, de que uma verdadeira busca pela liberdade tenha muito mais a ver com o desenvolvimento de uma força física, mental e espiritual interiores. a liberdade e a libertação das mulheres são mais sutis do que uma simples negação do princípio da maternidade ou com o espaço em gerenciamento de grandes corporações... é necessário que a busca por esse reequilíbrio seja uma parceria entre ambos os sexos. [julian, era isso que eu queria dizer com "chegar a um acordo"!].
cada mulher possui um homem dentro de si mesma e cada homem, uma mulher. a compreensão da unicidade entre homem e mulher pode conduzir a uma flexibilidade maior no relacionamento e a mais paciência para dedicarem-se juntos a este objetivo. em lugar de rejeitarmos certos desejos ou privilégios devemos fazer o movimento de buscar dentro de nós mesmos aquelas necessidades e passaremos a entender melhor o outro. mas não é fácil transformar e muito menos confortável...
somente com compreensão, paciência e generosidade mútuas, homens e mulheres conseguirão resgatar a harmonia, autenticidade e felicidade das relações e dos relacionamentos.